top of page
  • Foto do escritorSaquarema-RJ

PREPARE-SE PARA A ADRENALINA: VEM AÍ A ETAPA BRASILEIRA DO CAMPEONATO MUNDIAL DE SURFE EM SAQUAREMA


O Brasil vai receber os melhores surfistas do planeta na oitava etapa do Circuito Mundial de Surfe (WSL) de 2023, que acontece entre os dias 23 de junho e 1º de julho, na praia de Itaúna, em Saquarema, no Rio de Janeiro. A competição é decisiva para os atletas que buscam uma vaga na final da temporada e também nos Jogos Olímpicos de Paris 2024.


O país terá 11 representantes na disputa, sendo dez homens e uma mulher. Entre eles, estão nomes consagrados como Gabriel Medina, tricampeão mundial e atual quarto colocado no ranking, Filipe Toledo, campeão mundial em 2022 e vice-líder da temporada, e Ítalo Ferreira, campeão olímpico em Tóquio 2020 e sexto colocado no ranking. No feminino, a única brasileira é Tatiana Weston-Webb, quinta colocada no ranking e já classificada para Paris 2024.

A expectativa é de que os surfistas brasileiros façam bonito em casa e conquistem mais um título na etapa de Saquarema, que já teve vitórias verde e amarelas em 2017 (Adriano de Souza), 2019 (Filipe Toledo) e 2022 (Filipe Toledo). Além disso, eles querem garantir uma boa posição no ranking para avançar à final da temporada, que reunirá apenas os cinco melhores atletas no masculino e no feminino.

A final da temporada será realizada em setembro, na onda artificial de Trestles, na Califórnia (EUA). Atualmente, o líder do ranking masculino é o norte-americano Griffin Colapinto, seguido por Filipe Toledo e pelo brasileiro João Chianca. No feminino, a havaiana Carissa Moore lidera com folga, seguida pela australiana Stephanie Gilmore e pela francesa Johanne Defay.


Além da briga pelo título mundial, os surfistas também estão de olho na classificação olímpica. A WSL é uma das formas de garantir uma vaga nos Jogos de Paris 2024, que terão o surfe como modalidade novamente. Cada país pode ter até dois representantes por gênero, e a classificação é nominal. Ou seja, os dois melhores surfistas de cada país no ranking da WSL ao final da temporada estarão classificados para Paris 2024.


No masculino, nenhuma das dez vagas em disputa foi preenchida ainda. No feminino, metade das oito vagas já foram definidas: Tatiana Weston-Webb (Brasil), Teresa Bonvalot (Portugal), Johanne Defay (França) e Brisa Hennessy (Costa Rica) garantiram presença nos Jogos.


A etapa de Saquarema promete ser emocionante e imperdível para os fãs do surfe. Você pode acompanhar a transmissão ao vivo pelo site da WSL ou pelo canal ESPN. E se você quiser ver de perto os atletas e sentir a vibração da torcida na praia, aproveite para visitar a cidade que é conhecida como a capital nacional do surfe. Saquarema oferece belas paisagens naturais, ótimas opções de hospedagem e gastronomia, além de muita cultura e história.


E não se esqueça de seguir o nosso Instagram, onde vamos estar mostrando os bastidores e os melhores momentos das etapas ao vivo nos stories. Você não vai querer perder nada! 📸


Com informações, ge.globo.com


Posts Em Destaque
Posts Recentes
bottom of page